Inclua a pesquisa na sala de aula

02/03/2007 § 1 comentário

marilse.jpg

”O grande desafio do professor é incentivar a pesquisa”, afirma Marilse. (Crédito: Divulgação)

Entrevista – O que é pesquisar para o aluno e para o professor? Marilse Araújo, coordenadora nacional do Projeto Nossa Escola Pesquisa Sua Opinião, responde. Ela foi entrevistada pelo Yahoo! Busca Educação e trouxe pontos de vista muito interessantes ainda sobre ética na pesquisa e os planos do projeto.


O Projeto Nossa Escola Pesquisa Sua Opinião trabalha com professores a questão da importância da pesquisa na escola. Como você vê essa questão?
O projeto que coordeno propõe o uso pedagógico da pesquisa de opinião em sala de aula, principalmente nas escolas públicas. Trata-se de uma metodologia que pretende impactar as práticas educativas dos professores, tendo como ponto de partida as inúmeras perguntas que as crianças/jovens têm sobre o mundo, ou seja, uma aprendizagem por meio da pergunta.
Nesse processo, antes de elaborar a pesquisa de opinião, propriamente dita, é preciso qualificar o tema da investigação – precisamos de informações para elaborarmos as perguntas. Nessa etapa, sugerimos que os professores lancem mão de bibliografia, estatísticas etc. que podem ser encontradas tanto nas bibliotecas quanto na internet.
O que nós observamos é que a importância da pesquisa – seja qual for, está diretamente relacionada ao interesse/curiosidade do pesquisador. É muito comum que a pesquisa (online ou offline) seja solicitada apenas como uma tarefa escolar, em cumprimento do programa curricular e aí ela se torna uma pesquisa burocrática: os alunos copiam o conteúdo do livro da mesma maneira que copiam as páginas da Internet, sem muita reflexão ou entusiasmo. É a escola que não está enraizada na vida, chata e desinteressante.
Pode nos dar dicas de como incluir a pesquisa como ferramenta fundamental em quaisquer disciplinas ou séries?
Acredito que é preciso:
1. Convencer-se sobre a importância dessa ferramenta;
2. Saber dos possíveis usos da ferramenta e sobre a importância de ouvir os alunos, em suas indagações;
3. Ter contato com exemplos práticos de uso da ferramenta e articulação dela com a disciplina/conteúdo a ser desenvolvido.
Como você tem trabalhado os diferenciais da questão da pesquisa na internet, como, por exemplo, a questão da ética?
Ainda são raras, nas escolas públicas, oportunidades em que alunos e professores têm acesso a computadores – mais raro ainda, o acesso à internet. Quando isso é possível, essa ferramenta é utilizada para buscar informações que qualifiquem o tema e também na digitação dos questionários, tabulação dos dados e elaboração dos gráficos da pesquisa.
Quando se fala em ética na pesquisa online, é interessante lembrar algumas situações. Já trabalhei há alguns anos numa biblioteca pública infantil. Vi então a prática da cópia como professora e como profissional da biblioteca. A cópia não tem a ver com o suporte. Seja cópia de livros ou sites na internet, o aluno a faz quando não está orientado sobre a diferença entre pesquisar e copiar. Na biblioteca, os alunos chegavam a nos perguntar que trecho deveriam copiar dos livros, não tinham nem a capacidade de filtrar as informações.
Assim, há um problema anterior à ética da pesquisa online que é como orientar o aluno. A pesquisa é, infelizmente, encarada como uma tarefa a ser cumprida, não é uma busca para satisfazer a curiosidade, responder questões que sejam questões que sejam da autoria do próprio aluno etc. Nesse sentido, não acho que a internet tenha piorado nem melhorado a prática da cópia. Os professores reclamam mas, acho que essa prática já existia. E, na internet, pelo menos o aluno tem que aprender a fazer uma busca no computador, o que exige um aprendizado mínimo de um conjunto de habilidades.
É difícil pensar em lidar com o problema da cópia no caso dos professores das escolas públicas. Tem um problema muito sério que é o pouco acesso que eles têm à tecnologia. Hoje em dia, os alunos dominam muito mais a tecnologia do que os professores. Acho que a solução depende muito de cada professor, da sua intimidade com a ferramenta. Muitos fazem pouco uso da pesquisa online e têm resistência ao uso de computadores. No entanto, reconhecem que os alunos têm mais acesso e dominam mais. Assim, não sei se os professores estariam em condição de orientar os alunos sozinhos.
O grande desafio para os professores é incentivar os alunos para os temas da pesquisa. Que estratégia se pode usar para que o jovem fique mobilizado e saia buscando a informação correta? No projeto, estamos sempre chamando atenção do professor para o conceito de pesquisa. Não deve ser apenas uma mera técnica. Não é trocar o giz e a lousa pela pesquisa de opinião como um método de trabalho. Além da ferramenta, há o propósito, a proposta e o envolvimento dos alunos.
Quais os próximos passos do projeto?
Temos duas frentes de atuação: a expansão do projeto para novos locais e a consolidação em escolas que já visitamos. Contamos com o apoio das diretorias de ensino e temos parcerias mais livres com as secretarias de educação municipais, até pois não há uma obrigatoriedade aos professores de participação no projeto. Temos pouca experiência ainda em uso de tecnologia pois á poucos laboratórios nas escolas mas, nas poucas que os possuem, há muitos ganhos. No Sul, por exemplo, os laboratórios da Universidade de Caxias do Sul foram usados em um dos projetos. Uma das expansões possíveis seria nessa área.
Em março, estaremos em Senhor do Bonfim (BA), em parceria com a organização Save The Children. Deveremos ainda ir à Colômbia este ano em uma parceria com um instituto de pesquisa. O projeto já está na Argentina, Chile e México e outros países latinos ainda poderão vir a nos conhecer.

Anúncios

§ Uma Resposta para Inclua a pesquisa na sala de aula

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

O que é isso?

Você está lendo no momento Inclua a pesquisa na sala de aula no Pesquisa Educação.

Meta