Plano pedagógico para tecnologia na sala de aula

17/05/2007 § 13 Comentários

Dica – A professora Josete Maria Zimmer, da Escola Estadual Fernando Nobre de Cotia-SP, enviou uma ótima dica através do nosso Participe para os interessados em usar tecnologia na sala de aula. Veja a sugestão de roteiro completo para elaborar projetos pedagógicos em informática educativa e envie você também seu comentário ou projeto.


Elaborando projetos pedagógicos
Muitas vezes sentimos dificuldade no momento de colocar no papel nossas idéias e elaborar um projeto consistente que atenda as necessidades dos alunos, da escola e da comunidade. Dessas dificuldades e práticas, surgiu a idéia de criar um roteiro para elaboração de projetos de Informática Educativa. Segundo a professora doutora Maria Elizabeth B. de Almeida, a prática pedagógica por meio do desenvolvimento de projetos é uma ação inovadora, que se efetiva na ação do educador, mas que se apresenta como um desafio para professores, coordenadores e administradores educacionais. Um projeto surge de uma questão que se deseja investigar, uma situação problema ou um desafio. Qualquer projeto é constituí­do pelas fases de elaboração, execução e avaliação que compreende a reflexão e a depuração.

A descrição do projeto pode ser revista e reelaborada e em todas as fases é imprescindí­vel registrar o processo, para que se tenha elementos para subsidiar a avaliação.
Etapas de um projeto de informática educativa
* No início do ano letivo é interessante fazer uma pesquisa diagnótica com todos os segmentos da escola para saber por onde começar.
* Uma boa dica é conversar com os professores para saber quem gosta de trabalhar com tecnologias e se há interesse em desenvolver algum projeto ou atividade.
* Paralelamente, é bom fazer com os alunos algumas questões nas quais possam demonstrar os sonhos deles com relação a escola e ao trabalho com Tecnologias da Informação e Comunicação.
* Esta pesquisa pode ser feita utilizando um editor de texto no próprio laboratório de Informática.
* Feita a pesquisa com alunos e professores, é possí­vel saber o interesse de cada um. É hora de disponibilizar alguns softwares, sites de pesquisa e algumas ferramentas da Internet que possam ser utilizadas na elaboração do projeto.
* Para o desenvolvimento do projeto é preciso definir horários e grupos de estudo. Neste momento é importante trabalhar em conjunto com os professores e coordenação pedagógica.
* Com os horários e os grupos de trabalho definidos, é o momento de recebê-los no Laboratório de Informática. O professor passa a ser o orientador do projeto, o mediador e facilitador do processo de aprendizagem. Junto com os alunos, o professor também pode aprender e construir conhecimento por meio das ferramentas tecnológicas utilizadas.
* O produto final que será elaborado em grupo será avaliado pelos professores das áreas envolvidas. Pode ser um jornal, uma apresentação multimídia, um ví­deo, um programa de rádio, um blog etc.
* A avaliação do processo será feita por meio dos registros das atividades realizadas, da participação e envolvimento de cada pessoa.
Como elaborar o projeto inscrito
– Identificação de sua escola (caracterização da Instituição)
– Tema da proposta (nome do projeto, temática)
– Objetivos (o que espera alcançar)
– Problema/questão a ser resolvido/investigada (justificativa para o projeto – todo projeto surge de uma situação-problema ou algo que precisa ser investigado, melhorado.)
– Público a ser envolvido (quem são as pessoas? quais alunos? que séries?)
– Abordagem pedagógica (embasamento teórico, fundamentado em qual teoria? quais teóricos falam deste problema? Paulo Freire, Piaget, Vygotsky?)
– Mí­dias e tecnologias a serem utilizadas (internet, rádio, tv, ví­deo, revista/jornal?)
– Atores e papéis que deverão desempenhar (qual o papel de cada pessoa envolvida no projeto? diretores, coordenadores, professores, alunos monitores, comunidade etc.)
– Desenvolvimento da atividade (definir atividades e como será o desenvolvimento delas)
– Etapas/ações a serem realizadas (definir as etapas, sequência de passos necessários para a execução do projeto – começar por onde? como?)
– Perí­odo de realização (cronograma – quanto tempo? anual, bimestral?)
– Avaliação (que tipo de avaliação? quais instrumentos serão utilizados? de que forma?)
– Referências bibliográficas (autores, citações, internet)
Saiba mais
ALMEIDA, J. F. e JÚNIOR, F. M. F. (2000) PROINFO: Projetos e ambientes inovadores. Secretaria de Educação à Distância. Brasília. Ministério da Educação. 96 pp. (Série de Estudos Educação à Distância, ISSN 1516-2079; v.14).”

Por Josete Maria Zimmer, professora e Especialista em Informática Aplicada à Educação, profissional vinculada à Escola Estadual Fernando Nobre de Cotia-SP.

Anúncios

§ 13 Respostas para Plano pedagógico para tecnologia na sala de aula

  • Antoni Alves Soares Castanheira disse:

    Estou iniciando um trabalho na coordenação do Laboratório de informática de uma Escola Pública Estadual, e gostaria de receber sugestões de ações para com alunos e professor.
    Antonia Alves Soares Castanheira
    Miracema DO Tocantíns 25/05/2007

  • Márcia Souza disse:

    Olá, Por falar de projetos utilizando informática na sala de aula, descobri dois sites que podem auxiliar professores e educadores a implementarem seus projetos. É só acessar: http://www.iconeeducacional.com.br e http://www.apoiopedagogico.com
    Abraço,
    Márcia

  • poliana disse:

    gostaria de obter informação sobre como trabalhar o meio ambiente de 1º a 4º série.um abraço poliana.

  • Ondina Cruz Oliveira disse:

    Meu nome é Ondina moro na cidade de Porto Seguro e estou fazendo o sexto fluxo de Pedagogia pela UNIFCS e minha Coordenadora Luiza Seixas me ensinou assim:
    Para montar um plano de aula, aqui está um modelo básico que pode ser seguido:
    1 – CABEÇALHO: nome da escola e do professor que vai ministrar a aula, série que vai ser aplicada a aula, faixa etária, duração da aula;
    2 – OBJETIVO: Aqui você vai descrever o objetivo central da aula, ou seja, o que você quer atingir ao final desta;
    3 – CONTEÚDO: O que você vai trabalhar na sua aula;
    4 – PROCEDIMENTO: Como vai ser ministrada a aula (exemplo: Dividir a turma em pequenos grupos de no máximo cinco jovens e convidá-los para trabalhar com o material dourado; Escrita do que foi observado na aula; Execução de exercício envolvendo situações problema; etc.);
    5 – RECURSOS DIDÁTICOS A SEREM UTILIZADOS
    6 – AVALIAÇÃO
    7 – REFERÊNCIA
    _________________________
    Contribuição da Aluna:
    Ondina Maria de Fátima Silva Cruz Oliveira
    VI Fluxo de Pedagogia EAD- UNIFACS

  • Lília Vilar disse:

    Olá!
    Sou Orientadora Tecnológica em um Colégio Estadual do RJ (CE Jornalista Barbosa Lima Sobrinho) q trabalha conveniada ao DEGASE (DEpartamento de Ações Sócio-Educativas) em atendimento a adolescentes em conflito com a Lei em regime de privação de liberdade.
    Como a maior parte desses jovens estava afastada da escola, o ambiente tecnológico é muito atrativo. Então, tenho buscado na internet e em cursos, sugestões de atividades voltadas pra Educação de Jovens e Adultos.
    Aguardo o contato e apoio de todos!

  • Berenice disse:

    Sou professora de Língua Portuguesa do Ensino Fundamental de 5ª e 6ª série,gostaria de receber ajuda na questão de indisciplina, os alunos da 5ª série não tem interesse nos conteúdos aplicados, por eles não mostrar interesse aí gera a indisciplina….Ajudem-me por favor!!

  • LEYDE ANDRADE disse:

    Estou a procura de modelo de projetos de programas de rádio, ou seja, a estrutura que deve ser seguinda.
    Espero que vcs possam me ajudar.
    Leyde

  • ana disse:

    Gostaria de receber modelos de projetos pedagógicos envolvendo sexo e drogas.

  • aziz simao disse:

    Estou tentando construir um curso pré vestibular na minha cidade mas tenho dificuldades para elaborar um projeto. Gostaria de ajuda, se alguem puder mandar um MODELO, por favor, agradeceria. Obrigado

  • Antonio Andrade Mota disse:

    Certamente que este projeto é uma necessidade, que todas as escolas, reconhecendo as potencialidades da internet, devem colocar em prática. Negar a internet é estar cavando o próprio calvário.

  • Maria Ilmalucia Teixeira disse:

    Sou professora de biologia e gosto muito de trabalhar com musicas relacionados ao tema em questão.
    Agradeço as dicas
    Um abraço.

  • Selma disse:

    Já fui aluna da escola Fernando Nobre, e fico feliz em sabe, que ainda existem pessoas interessadas no ensino, e principalmente na qualidade do mesmo, parabéns a prof.Josete pela sugestão

  • Waldes Ribeiro da Silva disse:

    Olá, sou graduado C. Sociais pela UFPA e Especialista em Ensino de História do Brasil e atual estudante de Mestrado em C. da Educação na
    UAA/ASUNCIÓN, gostaria de obter informações e roteiros de leituras para isnpirar o tema: “INTERNET COMO AMBIENTE PEDAGOGICO E TECNOLOGICO NO PROCESSO DE ENSINO APRENDIZAGEM NA ESCOLA BÁSICA”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

O que é isso?

Você está lendo no momento Plano pedagógico para tecnologia na sala de aula no Pesquisa Educação.

Meta

%d blogueiros gostam disto: