Pesquisadores discutem laptops em educação

18/07/2007 § 2 Comentários

uca1.jpg

David Cavallo (OLPC), Denise Vilardo (organizadora) e Maria Helena Jardim (GT – UCA/Piraí).(Crédito> D. Vilardo/UCA)

Notícia – Educadores e pesquisadores de diversas instituições brasileiras participaram do 1º Encontro sobre Laptops em Educação na UFF (Universidade Federal Fluminense) no último dia 14 de julho. Os pesquisadores fazem parte do projeto UCA (Um Computador por Aluno) ou One Laptop per Child do MIT. O educador David Cavallo veio dos EUA apresentar o projeto. As professoras Denise Vilardo e Lúcia Rigueira enviaram um relato para o Yahoo! Busca Educação sobre o encontro.


uca2.jpg
Eduardo Campoy e Max Leite (Intel), Luiz Schara (UFF) e Peter Knight (Encore do Brasil). (Crédito: D. Vilardo/UCA)
Um Computador por Aluno aponta a educação do futuro
Professores, engenheiros, pesquisadores e empresários, representantes de diversos segmentos da sociedade se encontraram no auditório da Escola de Engenharia da Universidade Federal Fluminense, no sábado, dia 14 de julho, para conhecer melhor e discutir os caminhos do Projeto um Computador por Aluno – UCA – no Brasil. O 1º Encontro sobre os laptops na Educação, coordenado pela pedagoga Denise Vilardo, coordenadora pedagógica do Colégio Graham Bell, apresentou os primeiros resultados e mostrou o andamento das negociações para a implementação em todo o Brasil.
Presente em mais de 40 países, o projeto UCA chegou ao Brasil em 2005, através de David Cavallo, representante oficial e diretor do Grupo de Pesquisas sobre o futuro da aprendizagem no Média Laboratory do MIT (Massachusetts Institute of Technology) e hoje já comemora conquistas.
David mostrou as vantagens de oferecer às crianças, ao invés de cadernos, um computador de uso exclusivo e individual, que deverá ser levado para casa e utilizado também pela família do aluno.
David contou a trajetória da OLPC desde o seu surgimento, em 2005, e destacou as vantagens de se construir uma máquina de baixo custo. Os laptops, apresentados por Peter Knight, da Encore do Brasil, Eduardo Campoy e Max Leite, custará cerca de $100,00. Chegarão às mãos dos alunos já conectados à Internet, e aguardam do Governo Federal a licitação para serem fabricados e distribuídos. Ainda em 2007, cerca 150 mil aparelhos chegarão às mãos dos alunos e professores em alguns pontos do Brasil. Atualmente, em São Paulo, Palmas (TO), Piraí (RJ), Porto Alegre e Distrito Federal já comemoram as conquistas nos projetos-piloto implementados.
Um ponto relevante destacado pela professora Irene Ficheman, pesquisadora da USP e uma das responsáveis pelo projeto-piloto em SP, foi a valorização do professor.
À frente do grupo de trabalho que está implementando o UCA na Escola Municipal Ernani Silva Bruno, na capital paulista, Irene falou que o objetivo principal do projeto é contribuição e respeito ao trabalho pedagógico da escola, destacando a importância do professor nesse processo. A professora, que acompanha a implementação do UCA na escola, mostrou os trabalhos realizados pelos alunos, abordou questões pertinentes a todos aqueles que irão fazer parte desse novo universo e destacou a criatividade e a interação entre alunos e professores que, no instante em que receberam seus laptops, disse Irene, criarão novas formas de utilização.
uca3.jpg
Franklin Coelho (Piraí), Denise Vilardo (organizadora) e Irene Ficheman (USP) no encontro. (Crédito: D. Vilardo/UCA)
Encontro na UFF surpreende participantes
Em qualquer lugar do mundo, nas comunidades mais carentes ou mais violentas, a criança terá assegurado o seu direito de aprender, integrar-se com o mundo e aprimorar seu conhecimento. Os desafios ainda são muitos, afirma Denise Vilardo, mas os objetivos e as conquistas são incontáveis.
Após oito horas de trabalho, entre perguntas, respostas e muitos relatos, os profissionais convidados para o Encontro deixaram a UFF já no início da noite, completamente seduzidos pelo UCA. Aplaudidos pelos participantes, os organizadores deixaram marcado um novo encontro e assegurado o compromisso de fazer do UCA uma realidade para todos.”

Por Lúcia Rigueira, jornalista e professora.
Veja mais fotos e relatos do encontro no blog do educador Jaime Balbino e no álbum de fotos online de Denise Vilardo.

Anúncios

§ 2 Respostas para Pesquisadores discutem laptops em educação

  • Fátima disse:

    Parabéns Denise, pela importante iniciativa.
    Que estes encontros se transformem em grandes eventos, com muitos professores participando, aprendendo e mudando suas práticas.

  • Luiz Cláudio de Oliveira disse:

    AUXÍLIO – LAPTOP II – Estímulo participativo
    Frente às tecnologias da informatização,
    Pode-se interagir em circunstâncias diversas,
    Por meios de projetos de qualificação à distância,
    Até na monitoração do repasse de verbas.
    Oferecer-lhes a assistência virtual,
    É um salto na vida do corpo docente,
    Uma conquista com sabor especial,
    E prerrogativas em proporção de presente.
    Um programa nacional, com transferência,
    De LAPTOP * a cada Professor,
    Assegurará espaço para correspondência,
    Informação cabal via computador,
    Ascenderá o circulo de convivência,
    Sem importar a região do educador.
    * Gratuito
    Para o exercício do ano vindouro,
    Cogito ao Ministro da Educação,
    Um programa de repasse* de computador,
    Aos Professores no exercício da profissão,
    Permitirá assim aos menos favorecidos,
    Acesso gratuito a central de educação.
    Terão sua identidade reforçada,
    E meios de progredir na profissão,
    Através de LAPTOP e seus aplicativos,
    Via Internet e vídeo digital a disposição.
    Ajudará a desenvolver trabalhos pedagógicos,
    Facilitando a vida do Meu Ídolo – Professor,
    Suscitará na prática o estímulo participativo,
    Em conferência nacional, através de computador.
    Com portal de acesso a programa aplicativo,
    Mesmo distante, se fará presente no labor.
    Versão n°: 21/CLA-OL/03
    AUXÍLIO – LAPTOP I – Interação ativa.
    Brasil – Urbano, Brasil – Rural,
    Brasil – Metrópole, Brasil – Central,
    De norte a sul, de leste a oeste,
    Em cada escola do território nacional,
    Pode-se proporcionar educação sem fronteira,
    Conectada a um computador central.
    Independente de região ou estado,
    O ensino tem a mesma importância,
    Observada as condições de acesso,
    Provêm interagir e reduzir a distância.
    Adentramos a era da informática,
    Abrindo novo portal de comunicação,
    Com destreza, encurtará a distância,
    Entre docentes, discentes e Ministro da Educação.
    Estabelecer relação de reciprocidade,
    E interação ativa com o Professor,
    Seja no ensino ao corpo discente,
    Ou na qualificação do profissional educador.
    O Brasil, hoje tem, acredito,
    Em torno de dois milhões de Professores,
    Independente da região onde lecione,
    Pode-se coadunar tal como desbravadores,
    Face às perspectivas que se abre, on-line,
    Formarão seu arquivo como provedores.
    A informatização na tecnologia mundial,
    Sublime ferramenta para inovação,
    Aproxima cultura à ciência e arte,
    Fortalece a interação dentre geração.
    Passado, futuro, integrado ao presente,
    Sob olhar atento do corpo docente,
    Pressuponho interação ativa com regentes,
    A solidificar laços de afinidades existentes.
    A CRISTA DA EDUCAÇÃO,
    DEVERAS SER O PROFESSOR,
    PERMITE TRANSFORMAR CIÊNCIA EM ARTE,
    APRAZ VENERÁ-LO MAIOR BENFEITOR.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

O que é isso?

Você está lendo no momento Pesquisadores discutem laptops em educação no Pesquisa Educação.

Meta

%d blogueiros gostam disto: