Alfabetização e aprendizado com computadores no RS

18/09/2006 § 22 Comentários

Dica – Fernanda dos Santos Paulo nos enviou um relato através do canal Participe sobre uma experiência em alfabetização de adultos. O relato faz parte do Projeto Todas as Letras e mostra como é gratificante o trabalho em uma área tão cheia de desafios e como a inclusão digital também faz parte da iniciativa.


Alfabetização do Projeto Todas as Letras: para a construção de uma nova história
Trabalho com uma turma de educandos desde março de 2006, é uma turma mista de gaúchos e piauienses. Os alunos nordestinos vieram a Porto Alegre em busca de uma vida melhor e estão morando no bairro Lomba do Pinheiro e trabalham como vendedores. Há também alunas gaúchas que eram esposas dos alunos nordestinos, e outras que são moradoras da região. A faixa etária vai de 17 a 40 anos.
Minha experiência foi muito interessante. Tudo começou com o interesse da turma, que queria se capacitar para melhorar a qualidade de seu trabalho. A partir desse interesse, fui buscar parcerias para fazer com que o processo de ensino-aprendizagem tivesse mais sentido na vida de cada um. Nas aulas trabalhei a história de vida dos alunos, a questão do trabalho, da cultura, da identidade do grupo.
O SEBRAE foi uma das organizações a aceitar o desafio de colaborar conosco, e iniciou um trabalho de capacitação em vendas nos princípios do trabalho cooperativado.
A partir daí, surgiu a necessidade de trabalhar com a inclusão digital dos alunos, para que os alunos-trabalhadores pudessem melhor se organizar. Levei uma proposta para o telecentro situado próximo à região onde os educandos moram e conversei com Frei Luciano, responsável pelo espaço. Fiquei muito feliz de ter sido aceita a proposta de trabalhar com uma turma de EJA (Educação de Jovens e Adultos).
Atualmente, a turma continua no processo de capacitação. Já está alfabetizada. Os alunos pretendem continuar os estudos e cursos promovidos pelo SEBRAE. O próximo passo é organizar o grupo para oficialização em formato de cooperativa de trabalho.
Em termos de conteúdos curriculares, a alfabetização foi realizada em várias áreas de conhecimento ( português, história, estudo da sociedade e da natureza, familiarização com computadores etc.). As aulas levaram em conta que a educação popular tem o desafio de olhar a alfabetização como compreensão do mundo, partindo do conhecimento e experiência trazidas pelos educandos.
Foram algumas das atividades do projeto: visita às casas dos alunos; entrevistas e conversas; troca de experiências entre duas turmas de EJA no mesmo bairro; planejamento das ações coletivamente; curso no SEBRAE; curso de inclusão digital e o exercício “Visitando o Piauí pela internet”.
A metodologia utilizada levou em conta a visão global do processo educativo e a perspectiva freireana, que habilita o aluno a “ler o mundo”, apreendendo a realidade e transformando-a de forma autônoma.
O processo ocorreu inicialmente de março a julho de 2006, mas segue-se o planejamento coletivo da educação continuada da turma, inclusive e principalmente a educação para o trabalho que é de interesse dos alunos.
A turma avançou, aumentou suas expectativas na vida, aprimorarou-se em conhecimentos e a troca de saberes foi um dos principais processos de ensino-aprendizagem. A turma inclusive mobiliza-se para por em prática o desejo coletivo de construção de um CTN (Centro de Tradições Nordestinas).
Para mim, o projeto é gratificante, me proporciona grande retribuição pessoal e me faz acreditar na educação para a transformação. Nos tornamos amigos e essa turma já faz parte da minha vida, pois juntos aprendemos e sonhamos, nos respeitamos e construimos relações humanas de solidariedade, de sentimento de alegria e prazer no processo de ensino-aprendizagem.”

Por Fernanda dos Santos Paulo, educadora popular do Projeto Todas as Letras – Programa Brasil Alfabetizado, estudante de Pedagogia, Porto Alegre (RS).

Anúncios

§ 22 Respostas para Alfabetização e aprendizado com computadores no RS

  • flavia aidar disse:

    Olá Fernanda, gostei muito de ler seu relato de experiência. Tanto os objetivos como a rede que conseguiu articular para o desenvolvimento do seu projeto são de grande importância e sensibilidade.
    Parabéns!
    Flávia Aidar
    [Coord Ped do YBE]

  • Jose Cicero Coelho de Lucena disse:

    Olá Fernanda, é muito gratificante saber que em nosso país existem pessoas como você, atentas aos desafios da educação e dispostas fazer algo visando o futuro dos nossos jovens.

  • GERALDO HENRIQUE GOMES disse:

    Parabéns Fernanda, fico muito feliz em ver mais pessoas engajadas nessa causa tão nobre.Sou coordenador em Brasília de um projeto de Educação de Adultos (EJA), sendo nosso público alvo trabalhadores da construção civil e comunidades carentes hoje contamos com 34 salas de aulas e atendemos cerca de 800 alunos. Fico a sua disposição para trocarmos informações.

  • GERALDO HENRIQUE GOMES disse:

    Parabéns Fernanda, fico muito feliz em ver mais pessoas engajadas nessa causa tão nobre.Sou coordenador em Brasília de um projeto de Educação de Adultos (EJA), sendo nosso público alvo trabalhadores da construção civil e comunidades carentes hoje contamos com 34 salas de aulas e atendemos cerca de 800 alunos. Fico a sua disposição para trocarmos informações.

  • mauro cirelli franco disse:

    parabens fernanda pelo seu empenho.
    precisamos de pessoas assim para levar nosso Brasil para frente.

  • geni selau disse:

    Gostei do relato, parabéns!
    Também faço educação popular, e é desta educação que nosso PAÌS necessita.
    Continue em frente

  • jayme santos disse:

    Belo trabalho!
    Continue desenvolvendo este belo trabalho e escreva sobre ele, pois a nossa história de EDUCAçÂO POPULAR deve ser contada para servir de exemplo!!!
    PORTO ALEGRE_RS

  • jayme santos disse:

    Belo trabalho!
    Continue desenvolvendo este belo trabalho e escreva sobre ele, pois a nossa história de EDUCAçÂO POPULAR deve ser contada para servir de exemplo!!!
    PORTO ALEGRE_RS

  • Rosa Silva disse:

    è um exemplo para a Educação do Brasil, especialmente para Porto Alegre.
    Você desenvolveu um trabalho de rquipe, Parabéns!!!

  • monique sander disse:

    olá fernanda,em primeiro lugar lhe dou os parabens pela tua força e vontade,é muito bom saber que podemos contar com uma pessoa decidida e iluminada como você,que se preocupa com o nosso país e evolução dos menos favorecidos e sem sorte,que Deus te ilumine sempre nas tuas aulas e ensinamentos.felicidades…

  • Heloisa Fontoura disse:

    Parabéns, pela tua coragem.
    Continue sempre assim.
    Abraços.

  • Heloisa Fontoura disse:

    Parabéns, pela tua coragem.
    Continue sempre assim.
    Abraços.

  • José Franco Pereira disse:

    Fernanda parabéns pelo seu trabalho com jovens e adulto.Que Deus lhes abençoe e te ilumine nessa caminha. sou professor já há 21 anos, E hoje trabalho com uma classe do EJA. É muito gratificante trabalhar com essas pessoas pois aprendo muito com cada um deles.estou tendo um pouco de dificuldade com aqueles que precisam se alfabetizado.Acho que o tempo é muito pouco, pois trabalho com as 4 séries.

  • Fátima disse:

    Parabéns,Fernanda, pelo seu trabalho e pela cidadania que você proporcionou a seus alunos.

  • sueli rocha santos disse:

    olá Fernanda,sou estudante da pedagogia, e fique muito feliz ao ler sobre o seu projeto, por isso espero que você consiga mais parcerias para atender um número ainda maior de pessoas.
    te desejo muita força nessa sua caminhada

  • Raimundo Luciano Vaz disse:

    oi Fernanda, é de grande relevância a educação popular, pois é através dela que podemos nortear o conhecimento àqueles que vivem à margem da sociedade. Contudo, este trabalho de base é uma forma de romper com a educação oficial, elitista e excludente. Sou educador popular e acadêmico de História.

  • rejane junqueira silva disse:

    TRABALHO NO PROJETO TODAS AS LETRAS NO MUNICIPIO DE LAJEADO-RS.MINHA TURMA É DO LAR DOS IDOSOS SÃO JOSÉ.MEUS EDUCANDOS FAZEM PARTE DEUMA TRUMA BEM ‘ESPECIAL’.SÃO 25 IDOSOS DESTES 03 SÃO SURDOS,01 PARAPLÉGICO,05 CADEIRANTES,O2 DEFICIENTES MENTAL(1-MENTAL TREINAVEL ).
    ESTOU TERMINANDO O PERÍODO DE OITO MESES QUE ESTIVE COM ELES E A MINHA AVALIAÇÃO FOI A MELHOR EM RELAÇÃO A ELES.POIS AQUELES QUE NÃO CONSEGUIAM REALIZAR UM TRABALHO LOGO ERAM ENCAIXADOS NOUTRO.CRIEI JUNTO COM ELES UMA OFICINA DE TRABALHOS ARTESANAIS N QUE DEMOS O NOME DE OFICINA DO ‘FUXICO’ ,OSTRABALHOS REALIZADOS COM A PARTICIPAÇÃO DE TODOS FOI BASTANTE ELOGIADO PELAS ESCOLAS E COMUNIDADES QUE VISITARAM A EXPOSIÇÃO QUE REALIZAMOS JUNTO AO LAR DOS IDOSOS. OUTRA GRANDE REALIZAO FOI COM A EDUCANDA CELMIRA PILZ QUE É DEFICIENTE MENTAL E NUNCA FREQUENTOU ESCOLA QUE TEVE UM DESENVOLVIMENTO QUE SURPREENDEU ,MÉDICOS E PSICOLOGOS.SOU DO MESMO CURSO DE FORMAÇÃO DA COLEGA FERNANDA DE PORTO ALEGRE.UM ABRAÇO.

  • VERA LUCIA SOUZA DE OLIVEIRA disse:

    OLÁ FERNANDA VOCE ESTÁ DE PARABÉNS.

  • Fernanda Paulo disse:

    Agradeço o comentário de todos-as e quero compartilhar de primeira mão que o próximo passo é a construção de um CTN( CENTRO DE TRADIÇÂO NORDESTINA). Este é um projeto orindo da EJA construído por mim, educadora e educandos(as) e um amigo conselheiro tutelar, Geovani Sousa.
    Obrigada pelo carinho, Fernanda Paulo

  • Maírla Damasceno disse:

    Parabéns Fernanda pelo trabalho realizado.
    Não estou diretamente em sala de aula, mas sou coordenadora da EJA em meu Município que é Graça no estado do Ceraá.
    Sei como é muito importante realizar ações que venham a favorecer a nossa educação, apesar de os professores nâo serem valorizados financeiramente.

  • Maírla Damasceno disse:

    Parabéns Fernanda pelo trabalho realizado.
    Não estou diretamente em sala de aula, mas sou coordenadora da EJA em meu Município que é Graça no estado do Ceraá.
    Sei como é muito importante realizar ações que venham a favorecer a nossa educação, apesar de os professores nâo serem valorizados financeiramente.

  • lucimara lopes disse:

    Trabalho com alunos de 14 a 50 e poucos anos, procuro desenvolver um trabalho que os envolva na sociedade. Gostei deste projeto,vou procurar melhorar minha forma de trabalho buscando realizações com projetos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

O que é isso?

Você está lendo no momento Alfabetização e aprendizado com computadores no RS no Pesquisa Educação.

Meta

%d blogueiros gostam disto: